quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Digo não para segunda chance.

    - Por que você foi embora? – Minha voz ofegava e eu soluçava, com o rosto vermelho e os  olhos cheios de lagrimas. – Me diz Roberto, por que você me deixou?
    - Eu sinto muito.
    - Não, você não sente. Como se atreveu vir aqui depois de tanto tempo?
    - Senti sua falta. – Ele suspirou.
    - É tarde demais, não acha?
    - Sim, mas eu optei por tentar.
    - Tentar o que?
    - Tentar ter você outra vez.
    Aquilo acabou comigo por dentro. Em geral, ouvir aquilo da boca dele me traria uma alegria tão grande que ninguém jamais iria entender. Eu sempre o quis para mim, depois que ele foi embora, eu sempre o quis de volta para mim. Mas foram tantos meses de sofrimento que isso não cabia mais a mim, eu tinha que seguir em frente de alguma forma e deixar ele para trás. Porém, quando eu o vi parado bem na minha frente, com um sorriso – aquele sorriso que ele dava quando me via e dizia que me amava – no rosto, esperando que eu me aproximasse. Meu coração pulou, uma onda de felicidades caiu sobre mim, mas ao mesmo tempo uma raiva me agarrou e um vento de tristezas jogou dor em mim.
    Eu não poderia deixar tudo acontecer outra vez. Não posso cometer os meus erros, as mesmas falhas, as mesmas ilusões. Se ele me deixou uma vez, provavelmente me deixará outra vez. Ele veio até aqui à toa. Ele não me quer, ele não precisa de mim, ele não me ama. Se ele esta aqui agora, é porque está em falta. Ele só precisa de mim quando ninguém está precisando dele. E mesmo que esteja engana sobre isso, eu não volto. Porque o sofrimento que ele me causou no passado, é um sofrimento que guardo até hoje e viver ao lado dele, seria estar feliz e triste ao mesmo tempo. E eu mereço alguém melhor.
    - Eu não vou namorar com você outra vez.
    - É uma pena termos nos separado.
    - Você foi embora.
    (...)
    - Eu deveria ter ficado.
    É querido, você realmente deveria ter ficado.

4 comentários:

  1. Que triste... Mas também há beleza em textos que falam sobre tristeza.
    Um beijo, @pequenatiss.

    ResponderExcluir
  2. Os seus textos são muito bons!
    é um dom isso *--*

    Por que não manda alguns para alguma editora?

    dicasdaagabis.blogspot.com

    beijo'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E pra qual eu mandaria? Não tenho mt conhecimento sobre isso :\

      Excluir